segunda-feira, 4 de abril de 2011

Entre beijos e abraços

Beije-me do beijo demorado
Mas não venha com língua de outros idiomas
Beba da mesma bebida
Mas não esvazie o copo das alegrias
Feche os olhos
Mas não fique cega para as evidências
Viaje nos pensamentos
Mas não se perca nas ilusões
Abrace-me do abraço apertado
Mas não esmague minhas possibilidades
(Isloanne Araujo)



ps: Ae galera, os poemas serão postados agora de quinta-feira e segunda.

5 comentários:

  1. ..."Feche os olhos
    mas não fique cega para as evidências..."
    Muito bom Islou.

    Cada dia uma evolução. Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Também curti muito essa parte.

    Parabéns Islou!

    ResponderExcluir
  3. é ... tá se revelando ... ;)

    ResponderExcluir
  4. Tão jóia os poemas, parabéns.

    ResponderExcluir
  5. Que não fechemos os olhos pro seu talento!

    ResponderExcluir