domingo, 14 de novembro de 2010

Apartamento

É onde eu invento
É onde eu penso
É onde me encontro ao relento

Grande apartamento
Me permite extravassar
E com mulheres incríveis me deitar

Pequeno apartamento que me isola
Que me faz não sair de lá
E nem uma esmola a um pobre eu possa dar


Guilherme Antônio R. Santos

2 comentários:

  1. Parabéns aí Guilherme.. Vamos que vamos. E viva nosso café literário.

    ResponderExcluir
  2. Meninos , vcs estão de parabéns
    Adorei
    Zaira

    ResponderExcluir